Páginas

10.28.2010

Mate-me de prazer



Pego minha taça
Bebo o vinho vermelho
Saboroso, passo a língua nos lábios
e retribuo seu sorriso malicioso

Te levo para o quarto
Bato a porta, você me joga na cama
Me beija violentamente
Rasga minha roupa
Como se fosse me matar
Tirar algo de mim
Lutamos  e lutamos
Eu te aperto, você me sufoca
Eu te penetro,você me invoca

Você me arranha as costas
Me deixa todo vermelho
Deixa suas marcas felinas em mim
Enquanto deliro em você

Me morde, como se fosse um animal
com sua presa, rasgua minha carne
deixando o sangue escorrer
enquanto grita durante nosso movimento infernal

Me prenda! Me machuque com a força das suas pernas
enquanto continuo o vai-e-vem
Me aperte com seu abraço, como se fosse quebrar meus ossos
Mais forte, Isso! Encrave suas unhas nas minhas costas
Deixe o sangue escorrer, enquanto morde meu pescoço
E grita, e bate, até sua força máxima
O momento que mostra quem você verdadeiramente é

E acabamos imóveis na cama
Mortos, pelo prazer assassino do gozo

16 comentários:

  1. eita...
    que selvageria!
    sempre bom fazer umas loucuras de vez em quando né verdade!

    ResponderExcluir
  2. uau! nunca vi tanta atitude e ousadia, q original!

    ResponderExcluir
  3. Rapaz, isso seria mosoquismo ou sadismo?

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que amor selvagem!! hehehehehe =)
    Adorei a riqueza de detalhes do texto!!!
    Me visita tb, meu caro ;)
    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Melhor jeito de morrer.

    Abraço! ;)

    http://anpulheta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. poesia meio sado e puramente sexual!
    A intensidade do pré, do antes, a expectativa.

    Estou exposto, me abuse.

    É claro esse sentimento e bem escrito e o famoso pornosia

    ResponderExcluir
  7. Texto muito original

    congrats =]

    ResponderExcluir
  8. Intenso e verdadeiramente bom.

    Um poema muito bem escrito.

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  9. Ótima poesia, rica de detalhes,
    mas sem cair na mesmice.. e um final excelente
    Parabéns...

    ResponderExcluir
  10. parte do crepusculo 3 ?

    kkkkkk

    se sumiu não postou mais...
    me visita pra manter a blogosfera
    abraço

    http://universovonserran.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ótima tarde pra vc, meu caro! =)
    Seus textos são sempre mto bons.
    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Muito boa poesia.... detalhista e bem original

    visite meu blog

    http://leticiaturtle.blogspot.com/2010/11/um-grande-abraco.html

    ResponderExcluir
  13. Contos eróticos, legais para a madrugada! Boa escrita!

    ResponderExcluir
  14. lindo texto =] muito bom, de verdade =]

    ResponderExcluir
  15. Morrer de prazer... teria coisa melhor??
    Qdo se trata de prazer, toda loucura é pouca.
    Sua poesia é puro êxtase! ;)

    ResponderExcluir
  16. Selvagem, só faltou a trilha sonora, acho que um rock and roll pesado seria perfeito.

    ResponderExcluir